Voltar

07/07/2017

Instituto Sou da Paz participa do II Seminário Adolescências e Juventudes: direitos, conflitos e potencialidades

O Instituto Sou da Paz foi convidado para debater as políticas públicas voltadas às adolescências e juventudes, que aconteceu em São Carlos (SP), no II Seminário Adolescências e Juventudes: direitos, conflitos e potencialidades, que aconteceu nos dias 6 e 7 de julho. Promovido pelos Salesianos São Carlos e pelo Programa de Medidas Socioeducativas em Meio Aberto, o objetivo do evento foi fortalecer as redes de atendimento municipais. 

O seminário abordou temáticas ligadas à educação, saúde mental, Sistema Único de Saúde, violências, práticas em medidas socioeducativas em meio aberto e privação de liberdade, e garantia de direitos.

A coordenadora de projetos do Instituto Sou da Paz, Danielle Tsuchida, apresentou dados sobre violações de direitos humanos e violências contra adolescentes e jovens, na Mesa de Debates “Violações e violências”. Na exposição, buscou conectar dados sobre o assunto com pesquisas e estudos realizados pelo instituto.

img_4190

“Pensar adolescências e juventudes demanda pensar a articulação entre os diversos atores do sistema de garantia de direitos", afirma Danielle. Este encontro é um importante espaço para o fortalecimento da rede e tem o papel de registrar os avanços e de buscar soluções para os desafios, como a necessidade de realizar aproximações com a política de segurança pública, para que seu papel de prevenção da violência seja superior ao papel repressivo do Estado”, diz.

Participaram do encontro profissionais da rede de saúde e assistência social, conselheiros tutelares, Defensoria Pública, Judiciário da cidade de São Carlos e de outros municípios do entorno.

seminario_sao_carlos_2